Como agir diante de um chargeback

Comment

Dicas Para sua loja
chargeback
0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

Um dos grandes perigos do comércio virtual é chargeback, também conhecido como bloqueio de pagamento, não muito divulgado por empresas de cartão de crédito, porém constante como ameaça para os lojistas e investidores de e-commerces.

O chargeback é o cancelamento de uma venda que foi paga por cartão de crédito ou, raramente, por cartão de débito. O problema pode surgir por duas causas: a falta de reconhecimento da compra pelo titular do serviço, perda e cancelamento do cartão usado na compra, desistência da compra devido algum defeito ou problema no produto ou serviço prestado, ou devido à falta de regulamentação da compra, sem que a mesma siga os contratos e termos essenciais previstos pelas administradoras.

Veja, abaixo, como agir diante de um chargeback e o que fazer para recuperar o dinheiro da venda.

 

agir-diante-chargeback-1

 

1. Guardar comprovantes de venda

Os comprovantes de venda são documentos que podem lhe auxiliar a conseguir o dinheiro de volta e solucionar o problema junto à administradora de cartão de crédito ou intermediário de pagamento, tornando-se uma das melhores soluções para agir diante de um chargeback.

Os comprovantes de venda devem ser apresentados ao cliente e a administradora do serviço para constatar quais os produtos e valores que devem ser recebidos, tanto pelo lojista, quanto pelo comprador.

 

2. Armazenar comprovantes de envio

Assim como os comprovantes de venda, os comprovantes de envio também são documentos essenciais, pois, confirmam que o produto foi entregue ao cliente que o solicitou. Caso seja possível, além dos comprovantes de envio disponibilizados pela transportadora, é indicado também imprimir a página de rastreamento do pacote, assim será possível visualizar as datas de transação até a cidade do destinatário e até mesmo o recebimento pelo consumidor.

 

3. Gravar e-mails trocados com o consumidor

E-mails trocados diretamente com o consumidor são úteis para comprovar que ambas as partes sabiam da negociação e estão cientes sobre os valores que deveriam ser pagos e sobre a mercadoria desejada.

Guarde todos os emails em seu computador / servidor de emails, para que possam ser apresentados caso seja necessário alguma comprovação adicional.

 

agir-diante-chargeback

 

4. Salvar notas fiscais

Estes documentos possuem a quantidade de produtos comprados, forma de pagamento, valor a ser pago, dentre outros detalhes, sendo armazenado juntamente ao governo da cidade para quitações fiscais posteriores, assim podem ser utilizados como documentos para alegar a venda e resgatar o dinheiro que lhe pertence.

 

5. Converse com o comprador

Caso não haja documentos comprobatórios ou até mesmo que eles sejam negados pelas administradoras, é necessário agir diante de um chargeback pelo método que envolve diretamente o comprador, conversando com o mesmo e entrando em um acordo, explicando a situação e solicitando que o mesmo realize o pagamento novamente.

 

Esquecemos de citar algo ou possui uma ideia / opinião diferente? Fique à vontade para informar-nos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *